0
Browsing Tag

Organização Pessoal

0 In Estilo de Vida

Como me organizar para começar bem a semana?

como me organizar

Nem toda segunda é dia de começar dieta, ou academia…

Segunda-feira é dia de começar a (minha) semana útil e tenho o hábito de me organizar para começá-la bem.

Todo começo precisa de organização para ser bem sucedido.

Não sou expert em organização, por isso vou me limitar a falar do que eu faço para me organizar e começar qualquer coisa muito bem.

Seja começar a semana/mês/ano, cursos, atividades, projetos, planos, etc…

Listar o que é importante e tudo que precisa ser feito.

Sempre que vou iniciar algo eu faço uma lista de verificação inicial. Um apanhado, desde as pequenas coisas, que tem relação com o que eu vou iniciar.

Anoto tudo que precisa ser feito, comprado ou verificado. Mesmo as coisas básicas que, em geral, faço no automático.

Um exemplo, para começar a semana, minha lista de verificação tem:

  • Ideias de cardápio da semana.
  • Checar a gasolina carro.
  • Compromissos.
  • Contas a pagar
  • Contas a receber.
  • Lista de compras.
  • Cuidados pessoais que preciso fazer.
  • Entregas no trabalho.
  • Eventos.

Se vou fazer algum curso eu listo dias/horário das aulas, materiais a usar, como vou até o local, etc…

Essa lista é uma referência que eu mantenho comigo até concluir tudo. Vou marcando quando concluo algo e faço notas para a próxima semana, se precisar.

Nessas notas eu registro tudo que seja possa ser uma atividade/tarefa futura. Contas não pagas ou não recebidas, compromissos adiados, manutenções que vão chegar, etc.

Eu me dou bem organizando os detalhes a cada semana. Mantenho uma organização mensal macro com grandes acontecimentos e tarefas recorrentes, apenas.

– Quem usa planner, tem uma página de planejamento mensal e a cada semana uma página para a organização semanal.

Planejar depois de listar

Pensando ainda no começo da minha semana: todo domingo eu reviso as finanças. Vejo as contas bancárias, o extrato do cartão e atualizo minha planilha (com gráficos lindos que mostrei no stories).

Todo planejamento que faço começa pelo financeiro, vida de proletariado! Mas, se dinheiro não é problema por aí, desconsidere esse passo, sua ryca! 😀

Para começar a semana ou qualquer outra atividade eu listo os gastos (na etapa anterior) e planejo cada um.

Com essa lista eu determino se vou usar o cartão de crédito, quantas vezes e etc. Eu planejo até se preciso/posso sacar dinheiro, quando farei isso e para quê usarei o dinheiro.

Aqui eu sei se, por exemplo, preciso comprar material para estudar como vou pagar, em quantas vezes e etc…

Só assim não vou ser pega desprevenida se algum imprevisto chegar. Vai por mim, eu já deixei de fazer isso e confiei à outros essa organização e me ferrei!

Me organizar para começar a semana não é uma tarefa com prazo para acabar.

Aí vem a parte que faço a cada dia!

Controle e foco

Uma coisa comum à todas pessoas organizadas é ter controle e foco. Confesso que o foco ainda é difícil de manter 100%, mas manter controles me ajuda.

Criei o hábito de anotar tudo, gastos, tarefas, ideias. Essas notas me ajudam a controlar cada uma das minhas atividades e a manter, por consequência, o foco.

É chato? Sim! Mas, eu entendo que o controle minucioso das coisas me traz benefícios além da organização.

  • Fico menos ansiosa:

Sabendo exatamente o que tem que ser feito e o que eu já fiz eu controlo minha ansiedade.

  • Mantenho as finanças em ordem:

Proletariado sofre e precisa controlar cada centavo, sim! Não é coisa de gente taurina mão de vaca, grandes coaches financeiros recomendam ter controles.

  • Aproveito melhor meus recursos/tempo para viver mais.

Quando eu controlo as atividades, tempo e dinheiro eu me organizo para ser mais produtiva e viver melhor. Uma coisa vira consequência da outra.

No final da semana, eu reviso e passo as notas e controles para as planilhas definitivas que eu mantenho.

Planilha de projetos pessoais: onde eu planejo cursos, freelas e etc;
Planilha financeira: a menina dos meus olhos, que de Abril/17 prá cá se tornou meu orgulhinho <3

Já falei que eu sou a louca das planilhas, né? Por isso, ainda tenho um texto que eu conto como eu comecei a me organizar melhor.

Aí começa tudo de novo, tanto que virou hábito 🙂

6 In Estilo de Vida

Como me organizar melhor?

como me organizar melhor - lis life - agenda planner

Eu sou especialista em planejamento de projetos e amo tudo que envolve planejamento. Minha cabeça é orientada para planos e organizar é parte de qualquer planejamento.

Eu criei um jeito de me organizar e planejar que uso em todas as ocasiões da minha vida. Mas, sempre procuro aprender como me organizar melhor e fazer um processo de revisão contínua nos meus métodos.

Apesar disso, eu enfrento as mesmas dificuldades que você, quer ver?

Minha lista de atividades de segunda a sexta:

  • Deslocamento de 3 horas por dia – casa/trabalho.
  • Trabalho, no mínimo, 9 horas por dia fora de casa (meu emprego).
  • Trabalho, pelo menos, mais 2 horas em casa (quando tenho freelas).
  • Tenho que estudar pelo menos 1 hora por dia.
  • Cozinho, lavo, passo, limpo casa, tenho dois gatos, família e quero muito me exercitar pelo menos 2 horas por dia.

Só nessa lista, eu tenho 19 horas do meu dia com coisas para fazer. Sobram 5 horas para tomar banho e dormir, isso claro, se eu não quiser ler ou ver o Instagram, aí sobram 4 horas por dia.

Essa “listinha” só tem coisas essenciais, que realmente preciso fazer pra vida funcionar.

Não coloquei nada do blog, nada pessoal, nada de trabalho extra, nenhum detalhe. Por isso, eu preciso todo dia me organizar para que as coisas se encaixem no tempo que tenho disponível.

Eu não sou nenhuma exceção louca workhalic, viu? Esse é o “normal” de todo mundo que vive uma vida comum, sem privilégios de pai/mãe/maridotrocínio

A primeira coisa que eu aprendi quando comecei a me organizar foi que organização demanda esforço. Dedicação, foco e disciplina também, mas muito mais esforço.

Esforço é a palavra chave pra quem quer se organizar melhor.

Eu me esforço muito para não ultrapassar as 9 horas de trabalho no escritório. Senão, alguma coisa da minha vida pessoal vai ser negligenciada, ou meu jantar ou estudo ou atividade física.

No trabalho meu esforço consiste em focar em executar tarefas e evitar até usar o celular, por exemplo. Claro que não é assim todo dia, mas quando tenho muitas tarefas e não quero estender meu horário, preciso fazer um esforço a mais. Entende?

Ter foco e disciplina são parte desse processo. Habilidades que eu só desenvolvi com o tempo e as responsabilidades batendo na bunda.

Foi no dia a dia que eu percebi que ter ferramentas era essencial na minha jornada de organização.

Comecei usando planilhas, planners, agendas (tudo ao mesmo tempo ou não). Hoje eu entendi que meu processo de organização tem que ser simples e uso basicamente agenda e alarmes.

Levou tempo até eu criar o hábito de ser organizada, por isso testei todas as ferramentas que você pode imaginar. Li dicas, blogs e até comprei livros sobre o tema, mas só quando eu criei o meu sistema é que tudo ficou mais fácil e fluiu.

Por isso eu te recomendo qu teste tudo! De dicas loucas até aplicativos, é assim que você encontra o seu caminho para se organizar melhor.

Com o tempo você vai descobrir quais ferramentas funcionam para você.

Algumas das ferramentas que eu já disponibilizei aqui no blog: Planners para download  e ferramentas para organização de rotina.

Simplificar e otimizar são a chave!

Essas duas palavras valem pra tudo em organização. Desde as escolhas das ferramentas até a criação do seu processo, tudo deve servir para simplificar e otimizar.

Quando comecei a entender como me organizar melhor eu percebi que o meu pensamento já era orientado para a simplicidade e otimização.

Mas, se você não sabe como smplificar e otimizar seu dia eu vou te dar o exemplo da minha vida.

Senta que lá vem história:

como me organizar melhor - lis life - senta que la vem historia

Eu durmo pouco e não é por gostar, eu dormiria fácil umas 10 horas por dia. Mas, preciso acordar cedo para chegar no trabalho no horário. Para OTIMIZAR minha rotina antes de sair eu SIMPLIFICO todas as coisas que tenho que fazer.

  • Separo ou pelo menos já vejo o que tem no armário para vestir.
  • Tomo banho antes de dormir. Só quando eu acordo com muito sono, jogo uma água no corpo em 10 segundos.
  • Arrumo as coisas que preciso levar comigo no dia anterior: mochila, café da manhã, marmita e etc.
  • Coloco um alarme que me lembra que é hora de dormir e me esforço pra respeitar ele.

Com isso eu ganho uns minutos de sono. Não preciso acordar as 4:30am todo dia, posso acordar 5am e em alguns dias posso acordar as 5:30am.

No meu dia eu otimizo mais tarefas, como por exemplo ao acordar:

  • Dou atenção para os gatos que acordam antes de mim e me esperam abrir a porta para entrar comigo no banheiro.
  • Vou me arrumando e fazendo carinho neles, conversando.
  • Assim que desço para cozinha eu ligo a cafeteira e enquanto a água esquenta coloco ração e água para os meus filhotes.
  • Enquanto o café fica pronto, pego a marmita na geladeira, tomo minha água com limão e minhas vitaminas.

No trajeto para o trabalho:

  • Tomo café, faço minha maquiagem e escuto aulas de inglês ou podcasts no carro.

Não pense que é só porquê tenho carro, viu?

Quando ia trabalhar de trem/metrô/ônibus eu tomava um copo de café com leite antes de sair de casa, por conta da hipoglicemia. Levava pão/bolacha para ir comendo no caminho até o ponto de ônibus. Se eu pegasse o ônibus/trem vazio, já que o metrô era sempre lotado, começava a maquiagem. Ou ao chegar na empresa, por isso tinha que chegar sempre cedo. Fazia tudo isso ouvindo música no fone 🙂

Ao longo do dia:

  • Faço pausas para o café e quando estou sozinha respondo emails pessoais pelo celular.
  • Quando almoço sozinha leio um livro, vejo minhas redes sociais e ligo para alguém que gosto.
  • Lavo sempre minha marmita para chegar em casa e já poder usá-la de novo.

A noite:

  • Enquanto preparo a comida eu assisto um vídeo no Youtube.
  • Enquanto o fogão faz a parte dele eu lavo/guardo louça.
  • Vou organizando as coisas e faço carinho nos gatos.
  • Paro pra brincar com eles, dar atenção para os meus gatos é parte importante do meu dia <3
  • Durante o jantar eu assisto um episódio de alguma série ou o jornal da noite.
  • Depois, saio para fazer minha atividade física.
  • Quando desço pra rua já passo na lavanderia para colocar uma roupa na máquina.

É cansativo? É sim!

Faço isso todos os dias? Claro que não!

Tem vários dias que eu chego e só quero sentar no sofá e escrever no blog, mas eu assumo que a casa vai ficar bagunçada, a comida não vai ser feita e etc…

Se organizar é ter liberdade de escolher o que você vai fazer para tornar sua vida melhor, mais feliz, mais plena.

Se você quer começar a se organizar hoje, leia os meus 7 passos para a organização pessoal.

E, claro, comenta aqui se você tem alguma dica de como me organizar melhor ou tá precisando de uma ajudinha 🙂

8 In Estilo de Vida

Planner 2017 para download

Planner 2017 - Lis.Life

Nem bem Dezembro começou e eu já tenho um planejamento semestral, fechamento anual, avaliação e uma vida pra planejar e entregar!

Por isso, eu que sou a louca do planejamento sempre tenho um planner sempre a mão.

Para inaugurar as indicações do blog eu selecionei 3 planners para download de graça!

O preço médio de um planner é R$ 250, em sites internacionais dá pra comprar por $ 50. Vale o investimento, especialmente se você é uma pessoa que precisa de organização e de ter informação sempre a mão.

Se o preço for um impeditivo, eu achei 3 blogs brasileiros que deixam seus planners a disposição de quem quiser baixar!

Eu até pensei em fazer um especial, mas meus dotes como designer são péssimos. Então deixo pra quem sabe fazer!

Para baixar o seu Planner 2017 é só clicar no link e ir no site que o disponibilizou 🙂 assim a gente ajuda os blogs a terem mais visitas!

Planner 2017 – Não me mande Flores

Planner 2017 Não me Mande Flores

Eu sou fã da Camila e da generosidade dela em todo ano compartilhar um planner lindo e muito bem feito. Ele tem opção de imprimir diário, semanal, mensal e anual. Tudo em A4 pra facilitar a vida!

E ela ainda coloca no post um link para vários outros freebies e recursos para você imprimir.

Planner – Que se Ame

Planner 2017 - Que se Ame
Esse Planner  é clean, limpo e com fontes lindas. A capa toda tropical é a minha favorita! Além de ser bem organiazdo em sessões, com calendário, mês em destque e bom espaçamento pra escrever.

São 2 versões pra você escolher e baixar!

Planner do Casinha Arrumada

Planner 2017 - Casinha Arrumada

As meninas do Casinha Arrumada fizeram um Planner muito fofo para você baixar! Com cores leves, motivos florais e opções de organização.

O tamanho de impressão é médio e tem opções de planejamento do dia por períodos, tudo para facilitar ainda mais o uso.

A imagem destaque desse post é da Ink + Volt Notebooks uma papelaria especializada em cadernos. Vocês sabiam que eu amo cadernos e artigos de papelaria? A Ink + Volt tem planners minimalistas do jeitinho que eu gosto!

Parabéns as meninas que produziram os planners e muito obrigada por ajudar a gente 🙂

13 In Estilo de Vida

Organizar a rotina para ser mais feliz!









Organizar a rotina foi o jeito que eu encontrei para viver melhor em meio a correria. Ter rotina parece ser algo ruim, mas não é, a gente só precisa saber criar a nossa.

Eu amo ter liberdade para fazer tudo o que eu quiser do meu jeito. Por isso, precisei rever meus horários, hábitos, minha vida financeira e me dedicar para viver melhor e com mais liberdade.

Liberdade e rotina combinam, a gente precisa esquecer o mito de que pessoas felizes “nunca caem na rotina” e aceitar a verdade das crianças que “precisam de rotina”.

Essa coisa de forçar uma vida para nunca cair na rotina não é real como pintam por aí. Vejo a rotina como a vida nessa música:

[Tweet “”a vida é como mãe que faz o jantar e obriga os filhos a comer os vegetais, pois sabe que faz bem!” Amianto – Supercombo”]

Rotina faz bem, acomodação não!

Os benefícios de organizar a rotina da minha vida foram muitos, mas, principalmente, diminuiu minha ansiedade e estresse e aumentou minha produtividade.

Para organizar a rotina eu levo em consideração as minhas prioridades (trabalho, casa, estudar) e as coisas que quero/gosto de fazer todo dia (cozinhar, escrever, esportes).

organizar-a-rotina-todo-dia

  • Tenha horários

Ter horário para acordar, tomar café e sair de casa foi o primeiro passo para eu me tornar alguém mais organizada e produtiva. Ter horários definidos ajuda o corpo e mente a trabalharem melhor e, consequentemente, a gente é mais produtivo.

– Ser uma pessoa pontual faz os outros te respeitarem, vou te explicar aqui no texto como sair do trabalho sempre no horário com a ajuda dos colegas.

  • Peça/contrate ajuda

Ter ajuda é vital para manter a sanidade mental e a saúde. Essa ajuda pode ser uma faxineira, uma carona para pegar as crianças, dividir as tarefas com a família.

Eu precisei encaixar essa ajuda na minha rotina e deixar as pessoas fazerem o papel delas. Parei de ser a “faz tudo” e viver correndo, stressada e sempre com a sensação de que não dava conta.

Me organizei para, de vez em quando, pagar alguns serviços de faxineira e lavanderia. Isso me tornou muito mais produtiva e feliz em casa, no trabalho e comigo.

  • Tenha seus momentos

Eu só fui pensar em fazer uma atividade física depois de ter crises sérias de estafa. Sentia uma impotência e achava que não fazia mais nada da vida a não ser trabalhar e dormir.

Além da estafa emocional o meu corpo ficou doente, por isso hoje faço todo dia uma coisa que me dá prazer. Minha taça de vinho, minhas séries, o blog e meus banhos demorados

Pode ser 1 hora de leitura, 1 hora de silêncio e oração, 30 minutos de conversa na calçada. Arranje um tempo para se curtir, fazer algo que te dê força!

  • Mostre sua rotina

Aprendi isso na vida e dá muito certo!

Tento render o máximo em 9 horas úteis e próximo do final do expediente, com as minhas tarefas concluídas eu falo (pro cliente ou equipe): “vou embora as 17h30 precisa de algo?”.

Com o tempo todo mundo acostuma e passa a respeitar minha saída sem cara feia.

Em casa é a mesma coisa, todo mundo vai acostumando aos meus horários e hábitos. Ninguém tem que me seguir, mas eu mostro minha rotina para que todo mundo respeite.

  • Tenha disciplina

Fundamental para quem quer organizar a rotina é ter disciplina. Persistir e se dedicar a mudar seus hábitos não é fácil, tenha disciplina para manter seu foco.

Aos poucos, sua rotina vai ser prazerosa e você vai conseguir organizar outras áreas da vida.

Quando comecei a organizar minha rotina, foi chato e cansativo, mas valeu a pena insistir. Hoje estou menos ansiosa, menos estressada e recuperando minha saúde, além de ter muito mais produtiva e focada no meu bem estar.

Pra finalizar, quero compartilhar 4 dicas que me ajudam a ter uma rotina mais leve:

  1. Ao longo do dia faço pausas de 10 minutos e tento ter conversas agradáveis ou só ficar sozinha em silêncio vendo o Instagram.
  2. A hora de comer é sagrada e tem que ser calma, pro corpo e pra mente. Tento sempre fazer refeições com calma, mesmo que seja um lanche na rua ou no carro.
  3. Seja no trabalho ou na internet eu evito contatos com pessoas que não me agradam ou assuntos que só fazem mal. Sabe aquela gente que só posta desgraça no Facebook ou que só fala de trabalho? Então, não sou obrigada!
  4. Quando bate o nervoso no meio do dia eu vou ao banheiro, lavo o rosto, tomo um copo d’água e conto até 10.

Essas coisas simples me ajudam a ter uma rotina produtiva de forma leve, sem exageros. Você pode analisar sua rotina e ver se essas dicas funcionam pra você.

Se você gosta do tema organização, recomendo esse texto que fala como organizar a rotina pode mudar nossa energia.

Me conta nos comentários como você organiza sua rotina? O que te levou a querer começar a se organizar?

10 In Estilo de Vida

7 passos para a organização pessoal

Organização pessoal é a chave do sucesso na vida, eu acredito.

Desde muito nova eu precisei me organizar para conseguir estudar e trabalhar ao mesmo tempo. Eu não me acho a EXPERT em organização pessoal, mas desenvolvi o meu jeito usando técnicas que aprendi trabalhando na área de qualidade e processos.

Ao longo dos anos fui aprimorando no trabalho com projetos e planejamento para aplicar em tudo que faço.

Antes de começar a fazer listas e planilhas o primeiro passo é identificar o que me desorganiza.

Ás vezes, é o telefone, a internet, minha ansiedade, a preguiça ou o excesso de atividades. Por isso, preciso analisar o que está me deixando desorganizada e ser realista comigo mesma.

Aprendi com a Arte da Guerra: Sabendo quem é o inimigo eu sei como lutar.

Para cada uma das coisas que me desorganizam eu tenho como fazer um plano de ação diferente.

Parar de procrastinar é o segundo passo.

Tenho que silenciar o celular, bloquear o Facebook, tirar a TV da tomada e, fazer um esforço danado, para o meu cerébro se concentrar. Se eu me deixar levar pela procrastinação eu fico cada vez mais desorganizada.

Por isso, eu uso algumas técnicas para me concentrar e concluir minhas atividades e coloco pausas ao longo do dia para seguir a organização sem surtar.

Agora, o terceiro passo é como uma pressão psicológica: admitir que é vergonhoso ser desorganizada!

Sério, funciona! Olha suas coisas ou agenda toda bagunçada e sinta vergonha. Isso vai fazer você querer mudar e se esforçar. é meio caminho andado para você melhorar e não voltar atrás.

Se você não sentir vergonha ainda, pense em como seria se o presidente da empresa que você trabalha vissitasse sua mesa toda desorganizada. Ou como seria perder um cliente/dinheiro porque “suas coisas são uma bagunça” ou esquecer algum compromisso ou alguma promessa lá naquela zona que é seu caderno de anotação?

Toma vergonha na cara menina (o) – já dizia meu pai – e sai dessa síndrome de Gabriela!

[Tweet “síndrome de Gabriela “…eu nasci assim eu cresci assim e sou mesmo sim, vou ser sempre assim…”.”]

Depois do choque de realidade tem que vir a ação. O quarto passo é se mexer e organizar o que precisa.

Organize sua agenda, sua mesa de trabalho, sua bolsa, seu quarto, seu escritório, suas maquiagens, suas roupas. Enfim, mantenha tudo limpo, sem excessos de poluição visual que já ajuda a organizar o ambiente e as ideias.

O quinto passo é uma continuação do terceiro, é manter no pensamento que o que pode ser feito agora, deve ser feito agora.

Sempre que posso respondo pequenas dúvidas recebidas por e-mail imediatamente. Faço ligações curtas e termino os assuntos. Não acumulo coisas simples na minha agenda, assim a cabeça fica mais leve para focar em coisas mais complexas.

Para dar conta das atividades, o sexto passo é classificar as tarefas/coisas em prioridades.

Organize as tarefas que você tem e classifique de acordo com as suas prioridades: o que precisa ser solucionado hoje, o que pode ser resolvido em uma semana e etc.

Ah, eu sempre me lembro disso: hobbies não são prioridade, ok? Trabalho e estudo: sim!

Coisas urgentes/emergências são o topo da sua lista, comece por essas atividades para ser mais organizado.

O sétimo passo é meu lado de TI na organização pessoal: evite anotações em papéis de rascunho, elas se perdem facilmente.

Use um caderno, computador ou celular para fazer a lista de tarefas do dia e coloque até horário para terminar cada atividade.

Mantenha o foco e no final do dia você vai sentir o prazer de dizer: Done! √

Done - Organização pessoal

Eu tenho uma planilha de organização pessoal – que vai estar disponível na área exclusiva de assinantes do blog – feita seguindo os conceitos do 5’s .

planilha-de-organizacao-pessoal

Se quiser se antecipar e assinar a news do blog, você vai ter acesso aos conteúdos exclusivos e, de vez em quando, vai receber um email meu com novidades, textos e alguns presentes: CLIQUE AQUI.