Oops! It appears that you have disabled your Javascript. In order for you to see this page as it is meant to appear, we ask that you please re-enable your Javascript!
0
All Posts By

Lis

0 In Beleza e Bem-Estar

Glycare sérum anti-idade

Glycare sérum anti-idade

A Mantecorp é old friend de todo mundo que começou a usar protetor solar com cor lá pelos idos de 2000 e bolinhas… Quem não teve uma relação de amor e ódio com o Episol? Eu usei por anos e me tornei fã da marca!

Antes de falar do Mantecorp Glycare sérum anti-idade, em si, quero falar da necessidade que me fez buscar mais um sérum.

Eu já venho usando todos os tipos de Vitamina C possíveis. Mas, tenho tido surtos de acne hormonal 🙁 por stress ou alimentação ou tudo junto. E, mais recente, surgiu uma irritação e inflamação bem chatinha na minha pele.

Meu dermatologista havia me receitado um peeling superficial com ácido glicólico. Iria usar no lugar do ácio retinoico, que é mais agressivo. Mas, acabei deixando passar o ciclo e não fiz o peeling químico.

Por isso, quando pude conhecer o Glycare não pensei duas vezes!

Glycare sérum anti-idade

O principal chamariz do Glycare sérum anti-idade é, sem dúvida, o ácido glicólico.

Uma das funções desse ácido é facilitar a penetração de substâncias na pele. Mas, ele tem ação de radicais livres e auxilia na formação de colágeno. Com o uso frequente, o ácido glicólico diminui a espessura da pele, por seu efeito esfoliativo. Por isso, acaba por clarear manchas/cicatrizes e estimular o colágeno.

Aqui fica minha primeira dica do produto:
Por ter um ácido esfoliante mais agressivo, indico para quem tem pele normal ou oleosa somente! Peles sensibilizadas, como a minha estava, recomendo usar com muita calma e sempre com o dermatologista!

Glycare sérum anti-idade

Por isso, meus posts de resenha de pele demoram 2 a 3 meses para sair!
Especialmente esse que eu tive crise durante o uso e precisei recorrer ao dermatologista de emergência.

Até isso vai fazer sentido pra resenha do Glycare sérum anti-idade, vou explicar, calma!

Falando dos ativos, o outro destaque da fórmula é a nicotinamida.

Uma vitamina do complexo B que aumenta a síntese de ceramidas naturais da pele, ou seja, a hidratação natural. Além criar uma barreira protetora na pele reduzindo o ressecamento, melhorando a textura e tendo ação anti-inflamatória.

Pesquisando sobre a nicotinamida li que a American Society of Clinical Oncology associa a vitamina com a redução do risco de câncer da pele.

Logo que o Glycare chegou eu estava com a pele super em crise, no meio de viagens, com muita inflamação e rosácea. Por recomendação do dermatologista, eu adiei o uso.

Quando comecei a usar notei a pele mais macia e delicada no primeiro dia. Não senti ardência forte, só uma leve pinicadinha. 

Como todo produto para pele, é preciso paciência…

Minha pele teve um super efeito rebote no meio do caminho e ficou mega sensível. Não por culpa do produto, mas da minha condição mesmo.

Por isso, meu dermatologista recomendou usar o Glycare uma vez a cada dois dias. Sempre a noite e sem usar nada base de álcool antes, só água termal.

Suspendi o uso de sabonetes e qualquer produto mais forte, mas fui intercalando com o sérum de vitamina C a noite.

Eu senti uma turbinada, mesmo com surtos de acne. A pele foi ficando mais macia/fina e as manchas mais claras. Sobre a sensibilidade e vermelhidão ele não piorou nada de imediato. 

Com o tempo usando o Glycare sérum anti-idade reduziu a inflamação da acne.

A acne volta todo mês, mas paciência, né? Os ativos da fórmula controlam mesmo a produção de sebo, por isso com o tempo eu senti ter menos acne e menos acne inflamada.

Mas, a dica mais importante que eu posso dar aqui é: tenham muito cuidado com indicações de ácidos pela internet! Numa pesquisa rápida, vi indicação de associar o Glycare com coisas perigosíssimas para qualquer pele.

O Glycare é formulado para minimizar reações alérgicas, mas é um produto com ácido. Por isso não pode sair associando com qualquer coisa porque a blogueira X indicou ou usa.

Como meu dermatologista sempre diz: cuidar da pele é um tratamento contínuo para ter resultados satisfatórios aos 80 anos 😄.

Sem sombra de dúvida, o Glycare sérum anti-idade é um produto excelente para pele oleosa e sensibilizada. Mas, é preciso ter paciência para ver os primeiros efeitos, aliviar manchas e qualquer sinal de irritação. O uso precisa ser diário, principalmente no inverno, em que a pele sensível fica mais delicada e o Sol não será um problema.

Vale o investimento sim, especialmente pra quem sofre com acne, rosácea e pele sem viço.

A Kutiz confia na minha avaliação real dos produtos que me envia, por isso ela não tem responsabilidade no texto aqui escrito.  O texto reflete somente minha opinião pessoal e nenhuma compensação financeira foi recebida por ele. O post não envolve nenhum tipo de ação comercial.
0 In Beleza e Bem-Estar

Vichy Mineral 89 Antiidade

Vichy Mineral 89 Antiidade

2018 me transformou na #loka das resenhas de produto para a pele! Mas, vejam só, a pele tá melhorando e indo muito bem!

Mês passado, surgiram milhões de viagens (mentira, só três) e resolvi levar meus novos produtos pra teste de guerra.

Vichy Mineral 89 Antiidade já é famoso, mas eu confesso que resisti a ele por achar que era um sérum de “água termal”.

Errei feio, errei rude!

Além de 15 minerais tem ácido hialurônico (amor eterno) na fórmula.

A Vichy apresenta o Mineral 89 Antiidade assim:

“Minéral 89 fortalece a pele contra exposições diárias como poluição, mudanças de clima, raios UV e outras.

Deixa a pele mais resistente contra as agressões do dia a dia. Preenche a pele, hidrata, acelera a regeneração cutânea, tonifica e aumenta a luminosidade.

Os laboratórios Vichy conseguiram concentrar a Água Termal Mineralizante a 89%, ativo rico em 15 minerais e comprovadamente capaz de fortalecer as defesas naturais da pele.

Associado ao Ácido Hialurônico que tem ação hidratante e preenchedora.”

Vichy Mineral 89 Antiidade

O que eu posso dizer é que o Vichy Mineral 89 Antiidade virou o coringa da minha rotina de pele.

A sensação dele é muito leve, refrescante e não oleosa. Essa textura é excelente para sobrepor camadas e misturas – no meu caso: maquiagem!

Tenho usado ele pela manhã, após lavar o rosto e usar água floral como tônico. A pele fica maravilhosa para receber a maquiagem de todo dia.

A noite, depois de limpar a pele, ele é meu tônico antes dos cremes todos.

O Vichy Minéral 89 Antiidade completa a minha rotina simples do dia a dia.

– Aqui é mandatório ser tudo muito prático e simples pra usar sempre.

O melhor é a a textura sérum delicada, adequada para nosso clima quente e úmido. A pele absorve bem e fica maravilhosa depois.

Uso exatamente 4 pumps a cada aplicação, o que tem feito o produto render horrores.

Sendo bem sincera aqui, na minha pele super oleosa, notei REAL um viço na pele todo dia. Mesmo nos surtos de acne que tenho, a pele está mais bonita.

Vichy Mineral 89 Antiidade

Talvez não seja um efeito “dele sozinho” e sim da junção que fiz no dia a dia. Sem dúvida o efeito do Vichy Minéral 89 Antiidade é deixar a pele aveludada, sem obstrução e com cara de rica bem hidratada.

Eu não me rendi a água termal convencional, usei um ou dois sprays. Mas, hoje, sem dúvida escolho o Vichy Minéral 89 Antiidade por ser bem mais completo.

E o amor mesmo é o efeito antioxidante que equilibra toda poluição, Sol e tudo mais que a pele sofre todo dia. Em viagem a água “diferente” acaba com o viço da pele e cabelo, usando ele eu realmente senti a pele protegida.

Vale a pena investir no Minéral 89?

Vale super e para todas!

Quem tem pele oleosa ou mista , vai ganhar hidratação, ajudar na hora da maquiagem e proteger a pele. Para pele normal ou seca  ele potencializa tudo que você aplicar por cima.

Não vivo mais sem!

A Kutiz confia na minha avaliação real dos produtos que me envia, por isso ela não tem responsabilidade no texto aqui escrito. O texto reflete somente minha opinião pessoal e nenhuma compensação financeira foi recebida por ele.
1 In Beleza e Bem-Estar

Um vilão na moda?

Quando o “vilão” ganha protagonismo e mostra a que veio!

Há 3 anos a Braskem monta um estande no SPFW em busca de inovação, versatilidade e quebra de paradigmas.

Ano passado, Á La Garçonne usou o plástico verde para imprimir suas peças. Pulseiras e botões foram feitos numa impressora 3D em gravidade zero.

O Plástico Verde é produzido a partir da cana-de-açúcar, o que contribui para a redução da emissão de gases que causam efeito estufa na atmosfera.

Em 2018 o desafio foi para estudantes de cinco universidades!

Desenvolver uma peça usando tecido de polipropileno como matéria-prima para a coleção de Patrícia Bonaldi.

Para aprender a manusear e repensar os fios de polipropileno, os estudantes foram capacitados e aprofundaram conhecimentos sobre desenho e modelagem, bordado e estamparia.

A matéria-prima é inovadora e diferente do habitual. Não há ainda pessoas 100% capacitadas para rever o uso do plástico como sua versatilidade permite. Desmistificar o plástico como como vilão passa por capacitação de todos os mercados, até da moda.

Um dos maiores benefícios do polipropileno foi destacado pela estilista:

“O mais bacana é saber que o polipropileno pode ser 100% reciclável”

O polipropileno foi escolhido como material por conta de suas características:

Durabilidade, resistência e leveza. O fio de polipropileno é 100% reciclável e permite o tingimento diretamente na fiação a seco, o que economiza água.

O assunto plástico na moda é ainda polêmico! O Desafio de Moda Braskem nos provoca a rever conceitos sobre o que é inovação na moda.

O plástico não é sozinho um vilão, mas quem não sabe usar e descartar corretamente é! Me incluo e faço o mea culpa.

Tenho estudado muito o tema sustentabilidade na empresa e entendido como ser mais efetiva do que somente ativista de internet.

Como eu sei que o tema plástico ainda causa muita polêmica por conta da vida marinha, recomendo o acesso ao site do FÓRUM SETORIAL DOS PLÁSTICOS – POR UM MAR LIMPO.

1 In Beleza e Bem-Estar

Protetor solar com Vitamina C para pele oleosa!

Protetor solar com Vitamina C para pele oleosa!

Tratei de achar um protetor solar com Vitamina C para pele oleosa!

Eu falei aqui no blog que eu estava a louca da vitamina C.

Apesar de ter pecado muitos anos com o protetor solar, aprendi a usar todos os dias e busco sempre os melhores para a pele oleosa. Conheci a Ada Tina nessas buscas e comecei usando o Normalize Matte FPS 50.

Como uso maquiagem todo dia, o protetor solar matte ajuda na fixação. O que eu mais amo no Normalize são as 12 horas de Proteção Solar (cientificamente comprovado). Fora que ele foi feito para para peles muito oleosas e acneicas.

Na minha pele (antes de parar com os hormônios) ele segurava bem a oleosidade por 8 horas em dias normais e 6 horas em dias muito quentes. O que para mim é ótimo!

Mas, o Normalize não é o foco dessa resenha, ele é a introdução!

Estou usando vitamina C com frequência, por isso o protetor solar é mandatório, não posso nem pensar em esquecer.

Só que um protetor solar com Vitamina C para pele oleosa seria secundário, né?

Aprendi com meu dermatologista a intercalar produtos com o mesmo princípio ativo para ter mais resultado – e economizar, claro!

Eu não carrego o Renove C em todas as viagens, nem quando durmo fora de casa. É meu bálsamo de Gileade do momento! Fica no meu altar lá em casa e depois dos resultados iniciais de desinflamação da pele passei a usar a cada 2 dias.

Então o protetor solar com Vitamina C para pele oleosa, Anti Idade Ada Tina Pure C FPS 50, entrou pra jogo.

É filtro solar com uma alta concentração de vitamina C que preenche o meu “gap” de uso do Renove C. Ainda tem EXATAMENTE as mesmas 12 horas de ação do Normalize.

Apesar do Anti Idade Ada Tina Pure C FPS 50 não ter a descrição de ser matte (nem os ativos matificantes) eu percebi que ele segura bem a oleosidade por 6 horas. O Pure C não adiciona oleosidade na minha pele e não é comedogênico, por isso, é ótimo para pele oleosa.

Tudo isso e mais os benefícios da Vitamina C + Niacinamida + Difendiox + Vitamina E. No meu uso comprovei melhora na textura e uniformidade da pele, reduziu manchas e flacidez, rugas e linhas de expressão.

Além do anti-idade ainda promete efeito lifting e aumentar a sustentação da pele. Mas, esses eu posso dizer que não preciso, mas percebo sim a pele bem mais macia e bonita.

Por isso o Pure C virou o meu protetor solar com Vitamina C para pele oleosa!

Combinou o melhor do Normalize com a Vitamina C e deu um boost na minha pele. Outro ponto comum nos produtos da Ada Tina dois: são livres de Parabenos, Óleo Mineral e Fragrância.

Um post, dois produtos que valem o investimento e não é post patrocinado, é amor!

A Kutiz me mandou o Pure C (o Normalize eu comprei mesmo) e confia na minha avaliação real dos produtos que me envia, por isso ela não tem responsabilidade no texto aqui escrito.  O texto reflete somente minha opinião pessoal e nenhuma compensação financeira foi recebida por ele.
0 In Estilo de Vida

Low Carb simples pra vida real!

Como seguir a low carb simples pra gente real que e não é bitolada nas noias de dietas da moda?

Estava revisitando os posts mais lidos do blog e o tema cardápio e reeducação alimentar sempre está no TOP 10!

Comentei no texto sobre a vida sem hormônios como me adaptei naturalmente a reeducação alimentar low carb simples.

Foi por isso que amigas dos grupos de SOP na internet me perguntaram como é possível fazer low carb tendo uma vida real?

Acontece que a low carb virou moda e criaram muito mito em torno dela. Quase como uma seita ou como se fosse uma coisa tão milagrosa quanto difícil de seguir.

Eu, na verdade, só sigo o que minha nutricionista me ensinou e meu corpo se adaptou super bem.

Por isso chamo de low carb simples pra vida real!

Antes, preciso dizer que eu como doces, carboidrato e tomo refrigerante. 😄 Deveria? Não, mas só por conta da resistência a insulina.

Gente, tanta coisa que eu não deveria ter feito nessa vida e fiz, comer umas bobeira não tá aumentando meu carma não!

Sou bem tranquila com minha alimentação. Não me cobrava nem quando estava acima do peso e doente (ouvindo merda dos outros), quem dirá agora?

COMIDA É PRAZER!

E dá pra misturar comida com prazer em tantas ocasiões, gente!

Repete comigo: nenhuma dieta, reeducação alimentar ou opinião alheia deve tirar o prazer de me alimentar!

Não permita isso, tá? Senão, vira transtorno alimentar! Devemos ter muito cuidado com o que permitimos que nos influencie.

Dito isso, vamos ao meu modelo de low carb simples pra vida real?

Eu tenho dificuldade de lembrar o que eu como, contar calorias então? Não funciona pra mim uma reeducação alimentar que eu tenha que monitorar números. Por conta da insulina preciso saber o índice glicêmico do que eu tô comendo. Como também não sou boa com isso, o que faço é EQUILIBRAR!

3 anos atrás quando comecei a reeducação alimentar, a nutricionista montava o cardápio com fotos de produtos. Precisei de imagens que me ajudaram a conhecer marcas e nomes de farinhas e itens que eu nunca tinha visto. Quem dirá comido?!

Hoje, me basta entender quais alimentos me saciam mais, são baixo/zero carboidrato e menor índice glicêmico.

Faço minhas refeições com a maior quantidade possível de tudo que sei que é neutro: verduras e legumes frios.

Eu quase aboli arroz do prato, só como o da minha mãe e irmã ❤️ .

Por isso, me permito doces e excessos, de vez em quando. Olhando as imagens você vai entender melhor.

Recomendo que você junte as informações com o texto sobre como montar um cardápio completo e simples.

A low carb simples pra mim funcionou bem quando eu provei, experimentei e entendi quais os alimentos me saciam e não me fazem mal.

Descobri que lactose e glúten eu devo moderar porque me faz mal. Se eu como, eu sei como meu corpo vai reagir e tudo bem.

Para montar um prato principal, meu almoço ou jantar: Escolho qualquer vegetal que cresça sobre a terra, tempero com azeite, limão ou vinagre balsâmico. Simples, eficaz e quase sempre saboroso, depende do meu humor.

Low Carb simples pra vida real!

 

Como a salada primeiro, porque não sou a maior fã de salada e para me dar mais saciedade. Ah, eu gosto de molhos de salada, molhos em geral, só não como todo dia porque sempre tem açúcar.

No almoço, como duas ou três porções de proteína; no jantar apenas uma ou nenhuma, depende do dia.

Proteína me sacia sem estufar, como eu encho várias lajes ao longo do dia, no almoço tenho sentido muito mais fome é natural que eu coma mais proteína no almoço.

Estou começando a conhecer proteínas vegetais para diminuir o consumo de carne, mas ainda não tenho segurança para falar delas.

Os queijos que eu amo, quase sempre tem no meu prato ou no lanche. Mas, os lanches são minha maior dificuldade.

Low Carb simples pra vida real!

Eu não gosto muito de palitinhos de vegetais. Gosto mesmo é de café da tarde, bolo, café com leite, pão com manteiga… Mas, não dá pra ter isso todo dia.

Nos lanches, quase sempre, eu como 1 fatia de pão integral com manteiga ou queijo. Ou o meu amado biscoito de isopor (arroz/tapioca) com patê de atum.

O lanche é também um problema para carregar, não tenho onde armazenar no trabalho.

Mas, carboidrato não é vilão PARA MIM, posso comer com moderação! Lembrando que só o nutricionista pode indicar o melhor para você.

Agora vem a parte polêmica! 😀

Low Carb simples pra vida real!Low Carb simples pra vida real!

Salame, pepperoni, pururuca, guacamole e carne seca \o/

Se possível em versões naturais, sem excesso de sódio e super industrializadas.

Mas, cara que delícia esse baile tá uma uva ter essas opções. Junto com as nozes, azeitonas e etc adiciono uma bebidinha pra relaxar.

Gosto de mostrar essa imagem para todo mundo que diz que viver seguindo uma reeducação alimentar é chato. UHUM!

Eu amo tudo isso, mas não como todo dia, isso é equilíbrio!

Low Carb simples pra vida real!

A sobremesa me pega, porque o creme de leite 100% natural não é fácil de achar e carregar pro trabalho,restaurantes nunca tem!

O que tenho feito é pegar frutas, mesmo as que não são “low carb”, como banana prata, melancia e manga <3 e outras. Vez ou outra, coloco logo leite condensado mesmo.

O ideal pra minha saúde era comer um chocolate 80% cacau e um café preto. Também faço isso alguns dias ou tomo só o café sagrado após o almoço.

Vou alternando entre uma opção 100% saudável e uma de baboseira.

Espero que essas imagens e minha experiência sejam úteis para quem quer seguir a low carb ou só conhecer.

O site que criou as imagens que estão nesse post é o dietdoctor.com, minha melhor referência quando o assunto é low carb